SINPECPF se reúne com Sérgio Mendonça para discutir reivindicações do PECPF

A aprovação das emendas aditivas n° 015 e 052 do PECPF e o andamento do acordo firmando entre as entidades de classe da Polícia Federal, o Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão e o Ministério da Justiça, para reestruturação da Polícia Federal, foram os temas da reunião da diretoria do SINPECPF com o Secretário de Recursos Humanos do MOG, Sérgio Mendonça.

O objetivo foi buscar apoio para as emendas e dar andamento as negociações do acordo de reestruturação. Como a pauta da reunião recorre sobre direitos e reivindicações dos servidores do PECPF, a reunião também contou com a participação do diretor de Relações do Trabalho do MOG, Vladimir Nepomuceno.

Por parte do SINPECPF participaram do encontro a presidente da entidade Hélia Cassemiro, o diretor Jurídico Walter Matos, a diretora de Comunicação Social Elisabete Saraiva, os servidores do PECPF Joana Carvalho e Ricardo Mendes, além do deputado Distrital Chico Leite (PT-DF), seu assessor parlamentar, Joseval Rodrigues e o suplente de deputado Federal Wasny de Roure (PT-DF).

Em tom objetivo Mendonça disse que existem 700 emendas apresentadas ao Congresso que pedem alterações na situação de muitos servidores públicos “O governo terá muito trabalho para analisar todas elas e decidir se poderá atender a todos. Se abrirmos exceção para uma será difícil justificar porque não abrimos mão para as outras, temos que estudar os casos” declarou o Secretário sobre as reivindicações que chegam ao Ministério.

O Secretário disse que o acordo para reestruturação entre a PF, o MOG e o MJ é um caminho bastante viável. “O trabalho que o sindicato vai fazer na comissão que vai estudar a reestruturação dos Servidores do Plano Especial é importante. As categorias da carreira policial e servidores vão trabalhar juntas, mas, em reuniões separadas com o governo para que não aja divergências e assim discutirmos as peculiaridade de cada carreira. Garantir o aumento de 100% nesse momento é inviável, mas a Hélia deve continuar na luta para diminuir essa disparidade entre as categorias da PF”.

O SINPECPF entregou o impacto orçamentário do aumento de 100% do PECPF ao diretor de Relações do Trabalho do MOG, Vladimir Nepomuceno, para ele avaliar o que significa a inclusão dessa gratificação na Lei de Diretrizes Orçamentárias - LDO.

O suplente de deputado Federal Wasny de Roure, com atuação recente na Câmara enquanto ocupou a vaga do seu titular, Agnelo Queiroz, defendeu as reivindicações dos servidores do PECPF. “É muito importante à atuação do Sindicato na luta pela reestruturação. Acho louvável a busca de todos os caminhos para resolver essa questão da categoria. A apresentação de emenda é sempre uma arma democrática."

A presidente do SINPECPF, Helia Cassemiro, disse que está percorrendo todos os caminhos viáveis para conseguir a reestruturação dos servidores do PECPF. “É um trabalho muito intenso e interminável, que exige de nós muito empenho e determinação para não desistirmos diante dos obstáculos. Estamos nessa luta há muitos anos, não podemos parar agora, se a categoria se mantiver unida nossas reivindicações poderão ser atendidas”.

 

Jornalistas: Renata Leite e Gisele Silva

 

A>

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar