NÃO À DEMOLIÇÃO: Confira horário das manifestações nos estados

Uma batalha que pode definir como será o futuro de cada cidadão brasileiro será travada amanhã (15), em todo o país. É o grande levante contra a PEC 287, chamada de Reforma da Previdência, mas que propõe apenas demolir o instituto da aposentadoria. O SINPECPF divulga aqui os locais das manifestações em todos os estados. Essa nota será atualizada sempre que novas manifestações forem confirmadas:

GOIÁS: A representação estadual (SINPECPF/GO) convoca todos os colegas para protesto em frente à Assembleia Legislativa de Goiás, a partir das 10h00. O movimento será em conjunto com outras entidades classistas.

PARANÁ: A representação estadual (SINPECPF/PR) convoca todos os colegas para protesto em frente à Assembleia Legislativa do Paraná, a partir das 9h00, em parceria com outras entidades classistas.

RIO GRANDE DO SUL: A representação estadual (SINPECPF/RS) convoca todos os colegas para protesto em frente à Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, a partir das 10h00. O movimento será em conjunto com o Sindicato dos Policiais Federais no estado (SINPEF/RS).

Confira os horários e locais das manifestações gerais:

AL -  Maceio - 10h -  Praça dos martírios

BA - Salvador - 15h - Campo Grande

CE - Fortaleza  - 8h -  Praça da Bandeira

DF -  Brasília - 8h - Catedral

ES -  Vitoria -  7h - Pracinha das goiabeiras

GO - Goiania - 9h - Centro da Cidade

MT – Cuiabá - 16h - Praça do Ipiranga

MG - Belo Horizonte -  10h - Praça da Estação

PA -  Belem - 9h -  Praça da República

PB - Joao Pessoa - 14h - Ministério da previdência 

PR – Curitiba - 10h -  praça Tiradentes

PE - Recife - 9h - Praça Oswaldo Cruz

RJ - Rio de Janeiro - 16h - Candelária

RN -  Natal - 14h - Praça Gentil Ferreira

RS - Porto Alegre - 18h  - Esquina Democrática

RO - Porto Velho - 9h - Praça Estrada de ferro madeira Mamoré

SC - Florianopolis - 16h - Praça Miramar 

SP - Sao Paulo - 16h -  MASP

SE -  Aracaju -  14h - Praça General Valadão 

TO - Palmas - 8h30 -  Colégio Säo Francisco.

O SINPECPF não pode ficar de fora dessa batalha: temos de engrossar o coro e gritar contra os desmandos desse governo. Quem não for às ruas estará pedindo para ficar sem aposentadoria. Quem lutar estará dando o primeiro passo em prol de uma categoria mobilizada, que corre atrás de sua valorização, batalha a batalha.

Portanto, se você deseja se aposentar de forma digna, a hora é agora: nessa quarta-feira (15), vamos desmascarar juntos a farsa do rombo previdenciário, um déficit artificial, produzido pelos próprios governantes.

Use a camiseta preta do sindicato! Chegou a hora de mostrarmos nossa cara!

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar