Servidores se mobilizam para garantir cumprimento de acordos

É grande a possibilidade de que, a partir de quarta-feira (11), o país esteja sob comando de um novo governo. Quem acompanha o noticiário sabe que o vice-presidente Michel Temer articula a formação de uma equipe econômica de viés conservador, que prega a redução de gastos públicos. Embora nenhum plano concreto tenha sido apresentado, há o receio de que eventuais cortes comprometam os reajustes acordados com o funcionalismo.

A maior parte desses acordos foi firmada no final do ano passado e já se encontra na Câmara dos Deputados. Entre eles, destacamos o Projeto de Lei n. 4.254/2015, que concede 10,8% de reajuste em duas parcelas para os servidores do PECPF, prevendo ainda a incorporação da Gratificação de Desempenho para aposentados e pensionistas da categoria.

O receio de que o ajuste fiscal recaia novamente sobre o funcionalismo colocou os servidores em alerta. O Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos (Fonasef), do qual o SINPECPF faz parte, já adiantou que os servidores não aceitarão qualquer ingerência de um novo governo sobre os pactos já celebrados. Em carta dirigida aos parlamentares, a entidade cobra a aprovação célere dos acordos firmados e pede que projetos contrários ao fortalecimento do serviço público sejam barrados.

Posição do sindicato — O sindicato apoia a iniciativa e já deu início às reuniões com parlamentares para cobrar a aprovação do acordo celebrado com a categoria administrativa. Além disso, o sindicato segue negociando com o atual governo para que reivindicações históricas da categoria — como a regulamentação das atribuições e a reestruturação da carreira, entre outras — avancem, tendo em vista que o acordo firmado em 2015 não ofereceu respostas para tais temas.

“O SINPECPF não está alheio ao que está acontecendo e está trabalhando para que nossa categoria e a Polícia Federal sejam fortalecidas”, afirma o presidente Éder Fernando da Silva.

Para mais informações, acompanhe o grupo que o sindicato mantém no Facebook e encaminhe seu celular para o e-mail comunicacao@sinpecpf.org.br para inclusão no grupo do Telegram.

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar