Entidades de classe voltam ao Ministério do Planejamento nesta terça-feira

O Fórum de Entidades do Serviço Público Federal já alinhou o discurso e chegará hoje (7) ao Ministério do Planejamento com um sonoro “não” para a proposta de reajuste salarial de 21,3% em quatro anos apresentada há duas semanas. Para os representantes de classe, trata-se de uma verdadeira “proposta indecente”, incapaz de cobrir as perdas inflacionárias dos últimos anos ou de garantir segurança para o futuro ante a escalada de preços.

O SINPECPF estará hoje na reunião com o secretário Sérgio Mendonça e reforçará o coro junto às demais entidades. “21,3% em quatro anos é muito pouco”, avalia o vice-presidente João Luis Rodrigues Nunes. Outra preocupação do sindicato será cobrar a definição de uma data para continuidades das negociações específicas, referentes à modernização das atribuições. “O Planejamento está querendo condicionar uma coisa à outra. Não podemos aceitar”, pontua o vice-presidente.

O início da reunião está previsto para as 14h, mas atrasos são comuns. O sindicato dará detalhes em primeira mão em nosso Grupo do Facebook.

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar