ANP oferece palestra para os novos colegas sobre a importância do PECPF

Tal qual ocorreu no curso de formação para os policiais federais, em junho deste ano, a Academia Nacional de Polícia reservou espaço no curso de formação dos novos servidores administrativos para falar sobre a importância da categoria para a PF. A palestra foi ministrada ontem (25) pelo técnico em assuntos educacionais Valdinar Rocha Júnior e foi acompanhada pela reportagem do SINPECPF.

O conteúdo da apresentação destacou o papel do servidor administrativo na PF. Foi explicado que a categoria atua não apenas no suporte à atividade policial, mas também em atividades finalísticas de fiscalização e de controle, tais quais controle imigratório e de entrada de produtos químicos no país. Essa atuação destacada se constitui como um dos principais diferenciais do PECPF frente as demais carreiras administrativas do Executivo federal.

Os alunos também puderam aprender mais sobre a história da categoria. Valdinar explicou que, embora o PECPF tenha sido criado apenas em 2003, a carreira administrativa é bem mais antiga: desde os primeiros dias da PF havia servidores desempenhando atividades administrativas no órgão, alguns deles até hoje lotados na instituição, egressos do antigo Plano de Classificação de Cargos (PCC).

Os problemas enfrentados pela categoria não foram omitidos durante a apresentação. Valdinar alertou os novos colegas de que eles terão de enfrentar práticas como o desvio de função de policiais e a terceirização irregular, motivadas pela carência de pessoal administrativo na PF. O palestrante pediu que os colegas executem suas atribuições com afinco em sinal de autoafirmação da  categoria e relatou que o SINPECPF luta por mudanças no atual paradigma.

Participação do sindicato — Após a palestra, a presidente do SINPECPF, Leilane Ribeiro, dispôs de alguns minutos para apresentar aos colegas uma visão inicial sobre o sindicato. Ela abordou a importância da filiação de todos para a luta conjunta por melhorias para a categoria — que passam pela modernização das atribuições e chegam até o combate à discriminação praticada no órgão, passando pela valorização salarial — e ofereceu uma visão particular sobre o que é ser servidor administrativo da PF.

No discurso da presidente, mereceu destaque o alerta contra o assédio moral, que vitima boa parte dos servidores. “Não aceitem, mas saibam como enfrentá-lo”, advertiu a presidente, que aconselhou os novos colegas a tomar nota de qualquer constrangimento que lhes seja imposto e levá-lo ao conhecimento do SINPECPF. “É bom contar com apoio nessas horas. O sindicato sabe como proceder e está pronto para defender todos vocês”.

AMANHÃ (27) O SINPECPF VOLTARÁ À ANP PARA RECOLHER FILIAÇÕES E DISTRIBUIR CAMISETAS AOS NOVOS COLEGAS FILIADOS.

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar