Administrativos da PF assumem aeroportos durante a Copa para evitar caos

O SINPECPF, sindicato que representa os servidores administrativos da Polícia Federal, informa que a categoria NÃO PARALISARÁ ATIVIDADES durante o período de disputa da Copa do Mundo da FIFA – Brasil 2014, garantindo assim o suporte às atividades policiais e a manutenção dos serviços de fiscalização e de controle sob responsabilidade da PF – em especial nos setores de imigração e de passaporte, situados nos aeroportos das cidades-sede.

A 29 dias da abertura da Copa do Mundo, centenas de servidores administrativos da Polícia Federal estão sendo deslocados para postos do órgão situados nos aeroportos das cidades-sedes do mundial. A intenção é garantir atendimento célere e de qualidade durante o período de jogos, evitando atrasos e transtornos para os passageiros.

Com a ameaça de policiais federais e de terceirizados promoverem greves durante a Copa, a categoria administrativa concordou em não cruzar os braços, reforçando o comprometimento da classe para com a segurança pública brasileira.

A presidente do SINPECPF, Leilane Ribeiro, garante que a categoria administrativa está preparada para garantir o funcionamento da imigração nos aeroportos caso policiais e terceirizados realmente paralisem suas atividades. “Temos capacitação e experiência para atuar na área e estamos habituados a controlar esses postos em situações de urgência”, explica a presidente.

Não é a primeira vez que os administrativos são chamados para socorrer os aeroportos brasileiros: o mesmo aconteceu em 2012, durante a Rio+20, e também no período de festas de fim de ano em 2013.

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar