Ansef lança “O Federalzinho”, herói voltado para o público infanto-juvenil

Criar um símbolo que permita a crianças e pré-adolescentes se identificar com os mais altos valores morais e de cidadania. Este é o cerne do projeto “O Federalzinho”, lançado pela Associação Nacional dos Servidores da Polícia Federal (Ansef) nessa quarta-feira (6). A ideia é aproximar a PF do público infanto-juvenil por meio do personagem “Federalzinho”, garoto policial que falará aos jovens sobre temas como o risco das drogas, o assédio sexual de menores e a importância da preservação do meio ambiente. 

O primeiro ato do projeto foi a confecção de cartilha educativa intitulada “Conheça o nosso herói – o Federalzinho”, que, com o apoio de empresas parceiras, será distribuída para alunos das redes pública e particular de ensino. Responsável pela criação do conteúdo da cartilha, a psicóloga e ex-agente da PF Elismar Santander explica que o “Federalzinho” é um herói da vida real, idealizado como contraponto aos cada vez mais violentos e dúbios personagens da ficção. 

“Os verdadeiros heróis são pessoas que salvam vidas e que cuidam e protegem o planeta”, explica o “Federalzinho” em sua cartilha, dando como exemplos de boa conduta personalidades como Marthin Luther King, Mahatma Ghandi, Herbert de Souza (Betinho) e outros modelos de grande importância histórica. 

Para o presidente da Ansef, João Antunes, o projeto “O Federalzinho” vem suprir lacuna da PF na que tange a ações preventivas, fundamentais para conter o avanço da criminalidade. “Este projeto nasce da vontade da Ansef de ampliar suas ações de responsabilidade social e do reconhecimento da PF de que não se pode agir apenas repressivamente no combate ao crime”, afirmou. 

O diretor executivo da PF, Rogério Viana Galloro, concorda com a visão de Antunes. “O projeto ‘O Federalzinho’ é uma iniciativa fantástica por parte da Ansef que contará com todo o apoio da Polícia Federal”, garantiu.

Embora o “Federalzinho” tenha visual claramente inspirado nos policiais federais, a presidente do SINPECPF, Leilane Ribeiro de Oliveira, avalia que a iniciativa merece todo apoio também dos servidores administrativos. “O ‘Federalzinho’ nasce para ser um símbolo de valores que estão ao pouco sendo esquecidos em nossa sociedade”, pondera. “Como servidores da PF, temos o compromisso de lutar por esses valores”, finaliza. 

Para a diretoria do SINPECPF, enquanto o projeto “O Federalzinho” estiver comprometido em oferecer um futuro melhor e mais sadio para nossas crianças e jovens, a causa estará acima de eventuais disputas sindicais, merecendo o apoio de todas as entidades de classe do órgão.

 

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar