Adicional de fronteira pode ser votado na quarta-feira

A Comissão de Trabalho da Câmara adiou a votação do PL 4.264/12, que cria indenização para os servidores da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal e da Receita Federal que atuam em regiões de fronteira ou de difícil provimento. A votação estava prevista para a última quarta-feira (20), após a proposta ter recebido parecer favorável (com substitutivo), do relator, deputado Luciano Castro (PR/RR).

O projeto fora incluído extra-pauta na agenda, mas os deputados André Figueiredo (PDT/CE) e Eudes Xavier (PT/CE) apresentaram pedido de vistas. Com isso, o texto retornará ao exame do colegiado nesta semana.

De todo modo, há entendimento dos líderes partidários para votar o projeto na quarta-feira (27), no plenário da Câmara. Tudo indica que o projeto seja examinado na Comissão de Trabalho pela manhã, sendo votado por toda à Câmara à tarde. Caso a proposta seja aprovada no plenário, o projeto não precisará passar pelo crivo de outras duas comissões relacionadas para examiná-lo.

Aprovado pelo plenário da Câmara, o projeto segue para exame do Senado Federal. Se receber a chancela dos senadores sem alterações, será encaminhado para sanção da presidente Dilma Rousseff.

Fonte: Diap

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar