Presidente do SINPECPF debate situação da carreira com servidores de Fortaleza - CE

No último dia 19 de julho, a presidente Leilane Ribeiro de Oliveira realizou sua primeira visita às terras da Região Nordeste no comando do SINPECPF. O destino foi Fortaleza – CE, em viagem motivada pela ação dos 28,86%, que tramita na Justiça Federal da cidade. A presidente foi calorosamente recepcionada pelos servidores cearenses, que, além de detalhes sobre o processo, queriam ficar a par das realizações da atual diretoria do sindicato.

No início do encontro com os servidores, Leilane traçou um panorama sobre o andamento das principais ações judiciais ajuizadas pelo sindicato. Em relação à GDATA, ela explicou que a ação será remetida de volta à vara de origem, e que o sindicato agora aguarda a intimação dos advogados para proceder com os cálculos das quantias devidas a cada servidor. “Para cada ação da justiça, existe um prazo legal, que precisa ser respeitado. Sabemos que esta é uma questão de urgência, porém, acreditamos que o pagamento só ocorra no próximo ano”, explicou.

Falando em questões urgentes, Leilane passou a tratar do andamento das negociações pela reestruturação da carreira. A presidente explicou que o sindicato encaminhou formalmente sua contraproposta para o Ministério do Planejamento no dia 14 de junho e que, até agora, não recebeu uma resposta oficial por parte da equipe que analisa a matéria. “Conversei com a coordenadora geral de negociação e relações sindicais do Planejamento, Eliane Aparecida da Cruz, que disse que uma nova reunião será agendada para a segunda quinzena de agosto”, revela Leilane. Segundo a presidente, o motivo desta demora se deve ao retorno do secretário de recursos humanos, Duvanier Paiva Pereira, que esteve afastado por motivos de saúde e que irá voltar ao comando de todas as negociações.

Leilane também falou sobre as negociações para que a reestruturação esteja prevista na Lei Orgânica da Polícia Federal. A presidente adiantou que se reunirá com o relator da proposta, deputado Laerte Bessa, ainda nesta semana, em reunião na qual pretende enfatizar o parecer do ministro Ilmar Galvão que atesta a legalidade da proposta. “Quero assegurar o deputado de que a questão pode ser tratada na Lei, para que ele trate do tema em seu parecer”, ressaltou.

Reunião com o superintendente do estado



 Após o encontro com os servidores, Leilane conversou com o Superintendente de Polícia Federal no Ceará, delegado Aldair Rocha. Sem ter reclamações quanto ao tratamento dispensado aos servidores do PECPF, Leilane pautou o encontro na questão da reestruturação da carreira. Extremamente simpático, Rocha se declarou um aliado do PECPF na questão, afirmando ainda que a reestruturação trará enormes benefícios para a Polícia Federal e que torce para que o servidor administrativo tenha seu trabalho devidamente valorizado pelo atual governo.

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar