SINPECPF recebe de Paulo Bernardo garantia de reajuste por MP

O ato público ‘Medida Provisória, Já!’ que aconteceu ontem, dia 7 de maio, trouxe resultados positivos. Ainda no final da tarde, a presidente do Sindicado Nacional dos Servidores do Plano Especial de Cargos da Polícia Federal (SINPECPF), Hélia Cassemiro, esteve em audiência com o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, que reiterou que o reajuste salarial para os servidores do PECPF estarão nos contracheques de maio, retroativos ao mês de março.

No encontro o ministro anunciou que o governo enviará as novas tabelas salariais por meio de Medida Provisória (MP), atendendo reivindicação dos servidores. Segundo Bernardo, as últimas reuniões acontecem nesta quinta-feira para que a MP siga amanhã, dia 9, para o Congresso Nacional.

Hélia Cassemiro enfatizou que a “notícia é boa e a expectativa é grande entre os servidores e espera que, desta vez, o governo cumpra o prometido”.

Além do SINPECPF, estiveram presentes, ainda, representantes da Condsef, da CUT, da Fasubra, da CNTSS, da CNASI, da Assinagro, da Proifes, da Unasus e os deputados federais Alice Portugal (PCdoB – BA), Fátima Bezerra (PT – RN) e Pedro Wilson (PT – GO).

Logo após a reunião com o ministro, a deputada Alice Portugal, discurssou para os servidores em frente ao Ministério do Planejamento. Ela defendeu que o reajuste salarial para as categorias é também uma luta pela democriacia do país.

Goiás – Os servidores do PECPF em Goiânia também cruzaram os braços ontem pelo envio imediato da MP do reajuste salarial ao Congresso Nacional. Eles pararam suas atividades às 14h e permaneceram em frente à Superintendência Regional da PF naquele estado. Clique aqui e confira uma foto da paralisação dos servidores em Goiânia.

(Textos: Comunicação do SINPECPF - Foto: Wilson Ribeiro)

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar