Curta o Carnaval, mas com responsabilidade

A Diretoria do SINPECPF deseja a todos os filiados um Carnaval repleto de alegria e de bons momentos.

Mas é sempre bom lembrar que o período carnavalesco requer alguns cuidados.

Seguindo algumas dicas você poderá evitar problemas, como os digestivos e a desidratação. Durante o Carnaval, é preciso redobrar os cuidados com a saúde. A mistura de calor da estação com álcool e dança pode fazer com que o organismo fique desidratado. Além deste problema, podem surgir outros, como os digestivos, causados pela ingestão de alimentos muito calóricos ou contaminados ou pela combinação de alimentos com outras substâncias.

Para evitar a desidratação, evite ingerir bebidas alcoólicas e beba bastante líquido, principalmente água, água de coco e sucos. Caso você consuma álcool, tente alterná-lo com água e não dirija. Neste caso, volte para casa de táxi ou de carona com um conhecido que não tenha ingerido bebidas alcoólicas. Outras dicas são usar filtro solar e chapéu para se proteger do sol, além de roupas e tênis leves e confortáveis.

Evite consumir refrigerantes, que não alimentam e fornecem grandes quantidades de açúcar. Dê preferência a chás gelados - que são refrescantes e podem conter substâncias calmantes - e aos sucos de frutas. Jamais consuma refrigerante ou bebidas alcoólicas antes de ingerir algum alimento. Essas bebidas são muito agressivas para o tubo digestivo. Se sentir sede, tome um copo de água.

A alimentação também deve receber alguns cuidados. Procure fazer refeições balanceadas, que irão garantir a energia para tantos dias de festa, e observe as condições de higiene dos alimentos que você for consumir. Alimentos de difícil digestão, como a feijoada, devem ser cortados do cardápio de Carnaval e dos dias que o antecedem. Comidas com muito tempero e frituras também devem ser evitadas nesses dias.

Não use o Carnaval como estratégia de emagrecimento. A grande quantidade de energia gasta durante as comemorações somada a uma dieta rigorosa pode trazer conseqüências perigosas à saúde. Caso você esteja seguindo programas alimentares indicados por médicos, converse com ele para saber se é preciso modificar alguma coisa durante o período.

As origens do Carnaval - O Carnaval originou-se de tradições pré-cristãs da Europa e de outros continentes. Para alguns autores, a festa provém de cerimônias em honra do deus Osíris, no Egito, mas foi em Roma e na Grécia que o Carnaval assumiu suas principais características, mantidas até hoje.

A Igreja tentou proibir esse tipo de comemoração, mas em 590 o Carnaval foi incluído no calendário. O nome "Carnaval" surgiu na Itália, no século XIII. A expressão "carne levale", que significava o imposto que os camponeses deviam pagar para realizar festas, surgiu antes, em 695. No Brasil, o primeiro Carnaval foi em 1641, quando o governador do Rio de Janeiro decretou uma semana de festas em homenagem à coroação de Dom João IV como rei de Portugal.

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar