Paulo Bernardo pede repactuação dos prazos dos acordos com servidores

Em reunião na noite de ontem (30) com representantes de entidades sindicais de servidores, o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, propôs a repactuação dos prazos dos acordos já firmados com algumas categorias em vista da perda de R$ 40 bilhões no Orçamento de 2008 depois da rejeição pelo Congresso da CPMF.

Na ocasião, a presidente do SINPECPF, Hélia Cassemiro, demonstrou preocupação com a possível suspensão de concurso público para a Polícia Federal. Segundo Hélia, os servidores administrativos estão migrando, ou seja, saindo do órgão. “Em substituição a esses servidores estão vindo os policiais, o que acaba por encarecer o serviço. Isso vai contra um projeto de gestão administrativa eficiente”, disse.

A presidente do SINPECPF enfatizou ainda a necessidade da retomada das negociações em torno da reestruturação. “A reestruturação da carreira - com a conseqüente racionalização de cargos, tabela salarial própria, entre outros pontos – precede a realização de concurso para a área administrativa.”

Paulo Bernardo disse que vai criar uma agenda para iniciar os trabalhos visando ao concurso, “no momento em que o governo busca alternativas para suprir o que foi perdido com a falta de arrecadação da CPMF”.

Segundo Paulo Bernardo, o governo não parou de tratar com os servidores e de produzir propostas. O ministro afirmou que vários órgãos estavam desestruturados e foram reequipados, concursos foram feitos para recompor várias áreas do setor público que funcionavam quase totalmente com funcionários terceirizados, como a área de perícia médica do INSS.

Bernardo disse aos servidores que o Presidente Lula deverá enviar na reabertura dos trabalhos do Congresso Nacional, em fevereiro, uma antiga reivindicação da categoria que é a regulamentação da Resolução 151 da Organização Internacional do Trabalho sobre negociação coletiva no setor público.

Ficou marcada nova reunião com os servidores para o dia 13 de fevereiro com o Secretário de Recursos Humanos do Ministério do Planejamento, Duvanier Paiva Ferreira.

A presidente do SINPECPF destacou que a mobilização dos servidores é fundamental para que o governo cumpra os acordos firmados.

 

(Foto: SINAIT)

Comentários Recentes

Somente Logado!

Registrar